Campanha ‘Fé no Brasil’, que vai tentar mexer na popularidade de Lula, já está no ar, vai dar certo?

POLÍTICA

Lula
Lula — Foto: Ricardo Stuckert/Divulgação

Um mês depois de ser anunciada, a campanha institucional do governo “Fé no Brasil” começou finalmente ser exibida neste 1º de maio.

A primeira peça da campanha é um filme mostrando o que a gestão de Lula já fez. Ou, nas palavras de um integrante da equipe de comunicação de Lula, “mostrando as entregas do governo”.

É mais uma tentativa da Secom de Paulo Pimenta de acertar a mão na comunicação institucional, alvo de críticas generalizadas dentro do governo.

O slogan “Fé no Brasil”, de óbvio aceno aos evangélicos, mas que a Secom insiste em não admitir que o seja, vai ser trabalhado juntamente com outro, o “é bom pra todo mundo” e “a gente tá no rumo certo”. Num dos vídeos que já estão sendo exibidos, o locutor diz: ““A gente pode até pensar diferente, mas nisso o brasileiro concorda: quando a economia melhora, é bom para você, para a sua família, é bom para todo mundo. Isso é só o começo, tem muito trabalho pela frente. Fé no Brasil. A gente está no rumo certo”,”

Entre os envolvidos diretamente na comunicação do governo, a avaliação é de que o “Fé no Brasil” não terá sozinho o condão de virar o jogo da popularidade de Lula. Em parte do governo, porém, criou-se uma expectativa exagerada em tono da campanha que ontem finalmente nasceu para o público.

Ontem, em São Paulo, o próprio Paulo Pimenta, certamente se sentindo cobrado, disse ter a esperança de que a nova campanha traga resultados positivos “logo logo”. *Por Lauro Jardim/Agência O Globo.

Compartilhe:

Deixe um comentário